Anderson de Tuca realiza balanço dos primeiros seis meses de 2019

por Leilane Oliveira Coelho publicado 21/06/2019 11h19, última modificação 21/06/2019 11h19
Anderson de Tuca realiza balanço dos primeiros seis meses de 2019

Foto: Gilton Rosas

O vereador, Anderson de Tuca (PRTB), realizou nesta quarta-feira, 19, o balanço de suas ações durante os primeiros seis meses de 2019, durante o Grande Expediente da 48ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Aracaju. Ao todo foram 122 indicações, 4 projetos de lei, 2 requerimentos, 2 moções e 1 titulo de cidadão aracajuano ao Juiz Titular da 10ª Vara Cível, Doutor Cristiano José Macedo Costa.

“Solicitei ao Prefeito de Aracaju para instituir o Junho Vermelho, para incentivar a doação de sangue. Na nossa causa animal nós temos os comedouros e bebedouros que iremos colocar em julho, nesse mês alguns estão de férias, mas iremos continuar nosso trabalho. Cobramos a nossa praça do Siqueira Campos, que as pessoas me cobram todos os dias, cobramos o Plano Diretor, chamamos a atenção da importância da licitação do Transporte Coletivo, para que a gente possa cobrar um preço justo, correto, e acima de tudo um serviço de qualidade, pra o deficiente, serviço de qualidade para a população em geral. Continuaremos essas ações no segundo semestre”, conta.

O parlamentar destacou que é importante a participação da população no mandato dos vereadores. “Esse é um balanço das nossas ações, nossas cobranças, dizer a população aracajuana que a gente está cobrando. Fiscalize, acompanhe, hoje você tem instagram, twitter, facebook, venha na câmara, tem o canal ao vivo, rádio web, então chamo a atenção da população não só reclame, participe e de sugestões”.

Vereador nas Ruas

O parlamentar aproveitou o momento na Tribuna para destacar ainda mais uma ação do Vereador nas Ruas, na Rua Martinho de Melo Cardoso.

“Aproveitar nossa fala para falar sobre uma solicitação que fizemos a prefeitura de Aracaju, a gente solicitou o asfalto na localidade, mas vamos ficar felizes com o tapa buraco, dessa vez foi no bairro luzia”, comenta Anderson de Tuca.