Ricardo Marques lamenta abandono e descaso com prédios históricos no centro de Aracaju

por Fredson Navarro, Assessoria de Imprensa do parlamentar — publicado 05/05/2022 11h51, última modificação 05/05/2022 11h51
Ricardo Marques lamenta abandono e descaso com prédios históricos no centro de Aracaju

Foto: Assessoria do parlamentar

O vereador Ricardo Marques (Cidadania) circulou pelo Centro de Aracaju e observou que na Praça dos Três Poderes (Fausto Carodoso, Almirante Barroso e Olímpio Campos) possui estruturas e construções históricas que encontram-se abandonadas. O parlamentar conversou com a população e comerciantes da região que listaram uma série de problemas como banheiro interditado, falta de segurança e violência que é sintoma do descaso do poder público nessa área tão importante para a história de Aracaju.

“Uma praça tão importante e bonita está quase que abandonada. A última reforma na Praça Almirante Barroso foi em 2010 e encontrei um banheiro público interditado e a população reclamando".

O vereador Ricardo Marques (Cidadania) circulou pelo Centro de Aracaju e observou que na Praça dos Três Poderes (Fausto Carodoso, Almirante Barroso e Olímpio Campos) possui estruturas e construções históricas que encontram-se abandonadas. O parlamentar conversou com a população e comerciantes da região que listaram uma série de problemas como o do antigo banheiro, da galaria de Arte Álvaro Santos e o palácio Inacio Barbosa, antigo prédio da prefeitura.

“O antigo banheiro público data de 1927 e está totalmente abandonado e fica bem atrás da Câmara municipal. Por causa do abandono o local é usado por usuários de drogas o que deixa a população e comerciantes assustados. Eles alegam sentem falta da guarda municipal”, denuncia Ricardo Marques.

Na praça Olímpio Campos, o vereador notou que no lugar que ficava a Galeria de Arte Álvaro Santos foi invadida e depredada por vândalos. "Andei pela antiga Galeria e vi um cenário desolador e lamentável de total destruição e desrespeito ao patrimônio histórico de nossa cidade, artistas e quem
Passa por perto do local reclamam que da falta de cuidado com o prédio. Situação semelhante é o histórico palácio Inácio Barbosa, que foi sede da prefeitura de Aracaju.

Todos esses prédios abandonados ficam próximos a bancos, Assembleia Legislatura, Câmara Municipal e várias lojas. A minha sugestão é que a Prefeitura de Aracaju tome providências, busque alternativas da iniciativa privada e faça os reparos necessários, além de aumentar a segurança na região com a guarda municipal”, diz o vereador.