Pastor Alves pede atenção da PMA e da Emurb para buracos no Loteamento Marivan

por Eduardo Costa Andrade publicado 09/04/2019 14h29, última modificação 09/04/2019 14h29
Pastor Alves pede atenção da PMA e da Emurb para buracos no Loteamento Marivan

Foto: César de Oliveira

O vereador Pastor Alves (PRB) tomou a palavra durante o Pequeno Expediente da Câmara Municipal de Aracaju, na 19ª Sessão Ordinária desta terça-feira, 09. Ele aproveitou a oportunidade para falar sobre a situação das ruas do Loteamento Marivan, no Bairro Santa Maria.

O parlamentar pediu à Prefeitura de Aracaju (PMA), em nome do prefeito Edvaldo Nogueira, e ao secretário municipal da Infraestrutura e presidente da Empresa Municipal de Obras e Urbanismo (Emurb), Antônio Sérgio Ferrari, que tenham uma atenção especial ao excesso de buracos nas ruas do Marivan. Segundo ele, a situação tem afetado principalmente a região da Igreja Videira, onde os buracos representam grande perigo aos fiéis.

“Quero falar do Santa Maria, e hoje mais uma vez do Bairro Marivan, e pedir ao prefeito para que acelere as obras. Estão em passo de tartaruga. E enquanto não conseguem realizar as obras, façam um paliativo naquelas ruas. Tenho fotos que mostram que está terrível. A linha de ônibus que conseguimos para rodar no Paraíso Sul e no Marivan em breve não terá mais condições de andar porque os buracos são grandes. Fiz um pedido ao doutor Ferrari de dois buracos que podem matar uma pessoa, uma criança pode cair ali e não sair, em frente à Igreja Videira. O pastor está desesperado porque os buracos se encheram de mato e à noite, quando fica escuro, ou quando chove, ninguém vê nada. Se alguém cair, dificilmente vai sair. Vai morrer ali dentro”, disse o vereador.

Continuando no tema, Pastor Alves afirmou que já levou o pedido à Emurb, mas que reforçará a demanda, além de expor o pedido aos parlamentares e ao povo na CMA.
“Estou pedindo ao senhor para tapar aqueles dois buracos na avenida Ayrton Senna, em frente à Igreja Videira. São quase 600 membros naquela igreja arriscados a cair em um buraco e serem levados. Levei as fotos na Emurb e vou lá novamente agora para pedir encarecidamente que tapem aqueles buracos, mas vim falar para que Aracaju saiba desse recado. Alguém pode se machucar. O povo precisa de uma resposta do senhor e o Marivan pede um paliativo, principalmente nas ruas onde o ônibus passa”, afirmou.