Estudantes da rede pública de Aracaju terão atendimento psicológico e terapêutico

por Assessoria de Imprensa do parlamentar — publicado 09/04/2019 17h47, última modificação 09/04/2019 17h47
Estudantes da rede pública de Aracaju terão atendimento psicológico e terapêutico

Foto: Gilton Rosas

A Câmara de Vereadores de Aracaju (CMA) aprovou, por unanimidade,nesta terça-feira, 8, o Projeto de Lei n° 181/2018, de autoria do vereador Fábio Meireles (PPS) que institui, no calendário escolar do município, o mês de acompanhamento social, psicológico e terapêutico, voltado para crianças e adolescentes das escolas da rede pública.

Fábio defende que é preciso oferecer ajuda especializada para esses jovens. "É comum que as crianças, por meio de redações ou confissões espontâneas, relatem aos seus professores casos de violência doméstica, abusos, negligência, abandono e outras situações. O nosso projeto pretende oferecer um apoio especializado para esses jovens, através de alguém que possa escutá-los e dirimir seus dilemas", declara.

O vereador também acredita que o PL trará melhorias para o ensino. "É incontestável que essas situações têm impacto direto no processo de ensino-aprendizagem e impede o desenvolvimento intelectual satisfatória dos estudantes. Por isso, acreditamos que o nosso projeto trará melhorias para o ensino e bons resultados para os nosso jovens", afirma.