Eduardo Lima quer celeridade na reforma do CRAS Gonçalo Rollemberg Leite, no bairro José Conrado de Araújo

por Leonardo Teles, Assessoria de Imprensa do Parlamentar — publicado 06/12/2023 17h27, última modificação 06/12/2023 17h27
Vereador destinou mais de R$ 500 mil por meio de Emendas Impositivas para reforma da unidade
Eduardo Lima quer celeridade na reforma do CRAS Gonçalo Rollemberg Leite, no bairro José Conrado de Araújo

Foto: Assessoria de Imprensa do Parlamentar

O vereador Eduardo Lima (Republicanos) usou o Pequeno Expediente, na manhã desta quarta-feira, dia 06 de dezembro, para solicitar celeridade ao início da obra no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Gonçalo Rollemberg Leite, que fica no Centro Social Urbano (CSU), na Rua Alagoas, no bairro José Conrado de Araújo; onde ele destinou R$ 501.840,92 para reforma, por meio das Emendas Impositivas em 2023.

“Já tem tempo que enviamos esta emenda e os trâmites burocráticos já deveriam ter sido concluídos para que a obra começasse de forma urgente naquele espaço. Infelizmente, é necessário a gente subir à Tribuna para pedir celeridade e urgência para a finalização da licitação para contratar a empresa que vai reformar o Cras do CSU da Rua Alagoas”, lamentou o vereador.

A pedido dos funcionários e usuários do Cras, o vereador esteve no local, na tarde da última terça-feira, dia 5, e viu de perto os sérios problemas de infiltração e o telhado  completamente deteriorado da unidade.

“Eu não consigo ver as pessoas adentrando naquele espaço e correndo riscos. Precisamos que a Prefeitura mande uma equipe técnica lá e que de repente interdite algumas salas, ou faça algo emergencial”, sugeriu.

A verba, para a obra, já foi liberada pela Prefeitura de Aracaju, mas ainda está em processo licitatório na Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb).

“Já têm salas que estão sem forro no teto, e nós, em contato com os funcionários, que servem e atendem as pessoas em vulnerabilidade, pudemos ver essa lamentável situação. Será que vai precisar que uma madeira daquela comida por cupim caia na cabeça de alguém? Nós enviamos a emenda e precisamos que a obra comece!”, finalizou.